acompanhe nas redes

  • maio 27, 2018

    O conto de fadas moderno de Meghan Markle

    Já faz uma semana que o mundo parou para acompanhar o casamento real. A atriz americana Rachel Meghan Markle, agora duquesa de Sussex, casou-se com Henrique Carlos Alberto David, popularmente conhecido por Príncipe Harry, na capela St. George em Windsor, Reino Unido. Que garota não acordou para assistir, mesmo que de pijama, o casamento com enorme curiosidade e uma pontinha de inveja do glamour da futura vida da ex-act?
    O conto de fadas moderno de Meghan Markle
    imagem: Michael Dodge/Getty
     Meghan usou um vestido minimalista, assinado pela Clare Waight Keller, primeira mulher a dirigir a famosa grife Givenchy. A cerimônia foi muito emocionante e cheio de representatividade, como pudemos acompanhar as transmissões: teve discurso de pastor ativista e americano, que citou Martin Luther King; coral negro cantando “Stand by Me”; apresentação de um violoncelista também negro; o juramento de amar e respeitar, porém sem mencionar obediência ao marido como costume nos casamentos reais (#girlpower total!).

    Toda essa repercussão do casamento fez a gente ficar um pouco extasiado, não? A cultura de filmes românticos americanos e as histórias das princesas da Disney nos fez idealizar nossa vida como um conto de fadas: encontraríamos um príncipe encantado, nos apaixonaríamos, casaríamos e então seríamos felizes para sempre. Para nós, essa ideia de realeza está um pouco distante porém para Meghan esse conto de fadas é real (e a gente espera que seja tão feliz quanto um filme).

    Talvez, por costume, não percebemos o quanto somos inspirados pelo cinema internacional. Quem nunca idealizou uma vida de princesa referta de luxo, roupas maravilhosas, cabelos e pele impecáveis e todo aparato que costumamos ver nos filmes? Para ser bem sincera, quando a gente cai na real de que as coisas não são assim, dói um pouco, viu.
    O conto de fadas moderno de Meghan Markle
    imagem: Jane Barlow/PA Images - Getty
    Mas a gente não pode deixar de admitir que a Meghan tem uma trajetória de dar inveja. Mesmo antes dos holofotes da realeza, ela já era bem engajada com causas sociais: foi conselheira da One Young World, organização que busca, entre outras coisas, a igualdade de gênero; foi embaixadora global da World Vision Canadá, instituição de caridade que busca melhorar a vida de crianças ao redor do mundo, garantindo acesso à água potável e educação; é ativista negra e feminista assumida; trabalhou com as Nações unidas em uma ação da campanha ElesPorElas, dentre outras coisas.

    Só por esse breve resumo, dá pra perceber o quanto ela é engajada e se importa com causas humanitárias. Com certeza esse é uma das qualidades que encantou o Príncipe Harry. A gente só espera que ela continue tendo voz, ainda que de uma maneira diferente, agora na realeza.

    A história da duquesa de Sussex já pode virar longa-metragem que a gente promete que vai assistir e se derreter com toda a sedução dos roteiros de cinema internacional.

    8 comentários:

    1. Aiii O casamento real <3 Eu sou super influenciada por filmes de romance haha Amei o vestido da nova princesa mas o meu favorito ainda é o da Katy

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. eu já sou mais minimalista e achei o da Meghan perfeito! hahaah

        Excluir
    2. Este casamento daria um excelente filme como o de Grace Kelly, claro, proporções menores, mas indo pelo os mesmos caminhos, uma atriz casando com um príncipe, que se importa por questões humanitárias e deixou sua carreira de lado por amor.

      ResponderExcluir
    3. eu fiquei muito apaixonada pela simplicidade do look dela <3 eles são lindos mesmo.
      não sabia que ela era já ativa em causa solidarias
      bom saber tbm <3

      ResponderExcluir
    4. Eu amei esse estilo minimalista dela, embora muita gente tenha esperado váaarias rendas, etc. Achei muito fofo o seu post todo, realmente é um conto de fadas!

      blogdeclara.com

      ResponderExcluir